Ondas de calor: O que é e como ocorrem?

Anunciado a muito tempo por especialistas, o aquecimento global já começa a  mostrar suas consequências  uma vez que, o  planeta já está sentindo os seus  efeitos através das mudanças climáticas, onde o aquecimento médio do planeta já passa de 1 grau Celsius.  Um dos efeitos dessa mudança climática são as ondas de calor.

 

Você sabe o que é e como ocorre este fenômeno? Confira!

 

 

Uma onda de calor, nada mais é que, um período de alguns dias com temperaturas máximas superiores à média usual para a época.

 

No entanto, não há uma temperatura pré-definida para ser considerada uma onda de calor, visto que uma onda de calor varia muito dependendo da região a onde a mesma está ocorrendo.

 

De acordo com o relatório de uma comissão científica da Organização das Nações Unidas, ao invés de ondas de calor ocorrerem a cada 50 anos, devido ao aquecimento global, elas passarão a ocorrer de uma forma mais frequente de pelo menos uma vez a cada década. Além disso, secas e as chuvas fortes vão se tornar mais frequentes.

 

Outro ponto a ser mencionado é que essas ondas de calor também criam condições  propícias para a propagação de incêndios florestais, o que afeta toda a fauna e a flora da região causando um desequilíbrio ambiental ainda maior.

 

Essas ondas de calor além de afetar o clima, a fauna e a flora da região, são extremamente  prejudiciais, inclusive, para a saúde humana.

 

Para se ter uma ideia de como o assunto é sério, só no decorrer deste ano ocorreram algumas ondas de calor ao redor do mundo. Veja.

Ondas de calor ao redor do mundo

Em nosso país, a região do Pantanal  passa pela maior seca dos últimos 50 anos, além disso, a cidade de Cuiabá, no Mato Grosso, ficou cerca de 80 dias sem chuva. Já na região nordeste do país, a cidade de Teresina, no Piauí, teve o mês de agosto mais seco dos últimos 5 anos.

 

Já ao redor do mundo foram registradas ondas de calor no Canadá, onde uma cidade do país sofreu com uma queimada intensa, além de registrar uma temperatura de quase 50ºC.

 

No país vizinho, nos Estados Unidos, mais precisamente na cidade de Las Vegas, foi registrada  a temperatura de 47,2ºC,  temperatura  que havia sido registrada pela primeira vez no ano 1942 e por conta dos efeitos do aquecimento global já voltou a se repetir três vezes desde 2005.

 

Na Europa, por sua vez, a Grécia e a Itália sofreram com incêndios florestais. Além de sofrem também com as altas temperaturas, que registraram números acima de 40°C. Na região da Sicília, os termômetros chegaram a registrar temperaturas ainda mais alarmantes, de 48,8ºC.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.